30.10.07

Agora, infelizmente, menos céu e pés na Terra...

Lista dos 55 países e regiões estudadas pelo IMD e incluídos no livro: "IMD World Competitiveness Yearbook 2007":
Argentina
Australia
Austria
Belgium
Brazil
Bulgaria
Canada
Chile
China Mainland
China Hong Kong
Colombia
Croatia
Czech Republic
Denmark
Estonia
Finland
France
Germany
Greece
Hungary
Iceland
India
Indonesia
Ireland
Israel
Italy
Japan
Jordan
Korea
Lithuania
Luxembourg
Malaysia
Mexico
Netherlands
New Zealand
Norway
Philippines
Poland
Portugal
Romania
Russia
Singapore
Slovak Republic
Slovenia
South Africa
Spain
Sweden
Switzerland
Taiwan
Thailand
Turkey
Ukraine
United Kingdom
USA
Venezuela
§
Garanto que não me levantei mal-disposto ou zangado.
Lamento se acaso o leitor até estava bem-disposto, de bom-humor e, depois de levar com estes dados, se vai zangar com a vida ou pensar que o andam a gozar. Pois é; parece, segundo dizem (que eu não sou de intrigas) que mais de 90% das notícias em Portugal são pagas/encomendadas. Será possível? Não acredito!!!
Verdade mesmo é que o discurso político tem muito pouco de real ou mesmo de demagogo, em Portugal: é mentira pura mesmo. Mais grave, todos mentem.
E depois, sempre aparecem uns brincalhões, enxofrados por se desdizer o que o(s) partido(s) afirma(m), a querer dar lições sobre regiões, autonomias e outras confusões, enfim, a panóplia do costume, comprada nos telejornais e media em geral, que passam opiniões como se vendem artigos nas lojas dos trezentos: quantidade alguma, qualidade nenhuma. Para esses, aqui vão muito poucos dados sobre a nossa economia (porque os tenho todos mas são caros e só interessam para aqueles que não se satisfazem com as poses e discursos institucionais, dou conta dos que estão disponíveis on-line), sobre o nível de vida, sobre as infraestruturas, sobre os direitos e a educação dos cidadãos, entre outros indicadores utilizados para aferir o desempenho dos países e regiões.
Os indicadores são divididos em 4 categorias, a saber:

Economic Performance (79 criteria) Macro-economic evaluation of the domestic economy: Domestic Economy, International Trade, International Investment, Employment and
Prices.
.
Government Efficiency (72 criteria) Extent to which government policies are conducive to competitiveness: Public Finance, Fiscal Policy, Institutional Framework, Business Legislation
and Societal Framework.
.
Business Efficiency (71 criteria) Extent to which the national environmnent encourages enterprises to perform in an innovative, profitable and responsible manner: Productivity and Efficiency, Labor Market, Finance, Management Practices and Attitudes and Values.
.
Infrastructure (101 criteria) Extent to which basic, technological, scientific and human resources meet the needs of business: Basic Infrastructure, Technological Infrastructure, Scientifi c Infrastructure, Health and Environment and Education.

1 comentário:

Antonio Stein disse...

Amigo JHF,
Já há muito que não venho comentar os seus textos,embora por aqui passe de vez em quando para o ler.

Venho cumprimentá-lo e desejar que mantenha a "Enorme Lucidez" a que até agora nos habituou,enquanto espectador atento de um Portugal, cada vez mais MINGUADO Infelizmente.

Permita-me JF, acrescentar, após a leitura,(não conheço o Estudo) que, o IMD..,ainda teve de abraçar o estudo,sobre mais alguns Países, de forma a que nos arranjassem um lugarzinho dentro dos parâmetros de avaliação.

Não sei se será por Masoquismo, mas até gostava de saber quais eram os outros Países para além dos 55; é que já estar entre alguns destes,era BOM PELA NEGATIVA!

Um Abraço.
AnTónio